Linux para educação: Por onde começar ?

Quando se decide entrar no universo Linux muitas perguntas surgem e a primeira delas sempre é “por onde começar?” E essa resposta não é tão simples, principalmente quando se fala em educação.

A maioria das escolas possuem computadores, mas nem todos em laboratórios acessíveis aos alunos, e os espaços geralmente destinados a coordenação escolar ou aos professores possuem máquinas sem software livre. Desde o Office que geralmente é o Microsoft Office ao sistema operacional Windows.

Por isso e pelo habito de uso de uma só tecnologia parece complicado iniciar no mundo Linux dentro da educação. Mas ninguém disse que seria fácil.

O Primeiro passo

O primeiro passo é conseguir a abertura de consciência, alguém ou um grupo de pessoas dispostos a aprender e quando me refiro a isso não me refiro aos alunos, mas aos seus professores e corpo docente.

Os Jovens não encontram tanta resistência ao aprender, já aqueles que estão acomodados a fazer tudo do mesmo jeito e o fazem quase no automático, são duros, exigem mais trabalho.

Mas como conseguir isso ? leve a primeira máquina com o sistema, aproveita as oportunidades mostrar, mostre ferramentas, jogos educacionais e se proponha a fazer projetos e executar projetos envolvendo o software junto com os interessados.

Jamais discuta conceitos num primeiro momento, o que a maioria procura é utilidade, logo o software precisa resolver problemas, se for apenas jogos o smartphone faz isso muito bem. Encontre primeiro uma abertura utilitária e depois apresente a liberdade jurídica e a privacidade do Linux.

Depois disso, qual o próximo passo ?

Consciência formada discussões realizadas agora é hora de viver os conflitos, é ele que faz as coisas acontecerem, os conflitos e problemas amadurecem o processo e não há uma receita mágica de como resolver.

Sua realidade será diferente da minha, mas com muito esforço e trabalho em equipe se chega longe.

E esse permanecerá sempre sendo uma realidade, sempre existirá algum problema para que haja aprendizagem.

Não vim a esse texto para dar um receita, pois todos sabemos que na educação e na sociedade não existe receitas prontas de como fazer as coisas, a verdade é que sabemos que o software livro apresenta liberdade em seus ideais e que a educação mais ganha do que perde com o mesmo.

Logo, esse artigo abre um série de artigos que serão baseados em perguntas realizadas por vocês em nossa comunidade no Youtube. E os próximos artigos com a frase de abertura “Linux para Educação” responderá e tentará ajudar você a iniciar o Linux em sua instituição!

Comunidade Youtube